Outra Vez – Fresno

Publicado: outubro 14, 2008 em Fresno, Nacional

Sempre chega uma hora que não dá mais pra viver
Essa história mal contada não sei como escrever
Você não dá atenção ao que eu tenho pra dizer
Dias em que o coração quase pára de bater

E um dia eu vou partir
E um dia tu vais ver
Que isso tudo foi ruim
Que eu não vou estar pra ouvir
Desculpas que para mim
Não me impedem de fugir

Mais um dia, outra hora
Chega a hora de ir embora
Como acaba essa história
Pra você

E eu estou partindo agora
Guardo tudo na memória
Vou andando sem demora
Adeus você

Fecho as portas para ti
E tu choras sem saber
Que dói muito mais em mim
Mais em mim do que você

Eu que não quis te magoar
Não quis te fazer chorar sozinha
Sabendo que tinha o mundo nas mãos
Perdeu, eu não quis te abandonar
Você ignorou o que eu sentia
E agora está dizendo que não
(Tarde demais)

Qualquer dia, outra hora
Chega a hora de ir embora
Como acaba essa história
Pra você

E eu estou partindo agora (pra que?)
Guardo tudo na memória (chorei)
Vou andando sem demora
Adeus você

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s